Mensagem do Presidente

Caros colegas, profissionais da área da saúde e demais interessados em saúde infantil.

 

A Fundação José Luiz Egydio Setúbal (FJLES), mantenedora do Sabará Hospital Infantil e do Instituto PENSI gostaria de convidá-los a participar do nosso 4º Congresso Internacional Sabará de Saúde Infantil, a ser realizado no período de 13 a 15 de setembro de 2018, no Hotel Maksoud Plaza, em São Paulo.

 

Nos últimos anos o Hospital Infantil Sabará evoluiu e cresceu muito, tornando-se uma referência da pediatria brasileira e sul-americana. Acompanhando este crescimento o Instituto PENSI vem sendo reconhecido por suas atividades de ensino, pesquisa, produção e disseminação de conhecimentos em saúde infantil.

 

Neste evento vamos compartilhar nossas experiências exitosas juntamente com as de outras importantes Instituições Acadêmicas e, para tanto, contaremos com palestrantes renomados de todo o Brasil e do exterior.

 

Como novidade, teremos um Fórum de Discussão sobre problemas atuais da Saúde Infantil no Brasil procurando entende-las na busca de soluções.

 

Continuamos no propósito de manter o amplo escopo do Congresso e tratar da Saúde Infantil em suas diferentes dimensões; Biopsicossocial. Para alcançar os objetivos deste ambicioso projeto, apresentaremos as inovações na assistência a crianças e adolescentes de todas as áreas de atuação do Sabará Hospital Infantil e do Instituto PENSI, abordando temas de interesse médico, mostrando uma visão multidisciplinar. Também abordaremos outras áreas da saúde infantil como enfermagem; fisioterapia; fonoaudiologia; psicologia; Child Life Specialist, farmácia; pesquisa clínica, bioética; gestão e qualidade hospitalar; humanização; voluntariado; desenvolvimento infantil e projetos sociais em pediatria.

Palestrantes

Alberto Costa, MD, PhD

Internacional

Currículo

Alexandre Rotta, MD, FCCM, FAAP

Internacional

Currículo

André Jaichenco

Internacional

Currículo

Daniel Garros

Internacional

Currículo

Ghislaine Dehaene-Lambertz M.D., Ph.D.

Internacional

Currículo

Luis García-Marcos Álvarez PhD

Internacional

Currículo

Melvin Berger, MD,PhD

Internacional

Currículo

Sheryl O Hughes, Ph.D., M.A., M.S.W.

Internacional

Currículo

Programação Preliminar

Temário Preliminar

Programação

Comissão Científica

Presidente – Fátima Rodrigues Fernandes – Alergia e Imunologia

Adriano Bechara – Bioética

Alessandra Miramontes Lima – Pronto Socorro / Alergia e Imunologia

Anderson de Oliveira – Cirurgia Torácica

Antonio Condino Neto – Imunologia

Beatriz Helena Sanchez Furlanetto – Cirurgia Cardiovascular

Carolina Costa Soto – Pesquisa Clínica

Clarice Camargo – Pesquisa Clínica

Charles Schmidt– Pesquisa Clínica

Débora de Oliveira Cumino – Anestesiologia

Dirceu Solé – Alergia e Imunologia

Edson Amaro – Neuroradiologia / Desenvolvimento Infantil

Fabrízio Ricci Romano – Otorrinolaringologia

Felipe Monti Lora – Pronto Socorro / Endocrinologia

Fernanda Ghilardi Leão – Cirurgia Pediátrica

Francisco Ivanildo de Oliveira Junior – Infecção Hospitalar

Glaucia Faria da Silva – Psicologia Hospitalar

Nelson Kazunobu Horigoshi – Medicina Intensiva Pediátrica

Renata Pereira – Educação Continuada

Regina Grigolli Cesar – Medicina Intensiva Pediátrica

Ricardo José de Almeida Leme – Neuropediatria e Neurocirurgia

Sabrina Bortolin Nery – Humanização e Gestão Hospitalar

Grace Caroline Van Leeuwen Bichara – Cardiologia / ECMO

Gustavo Falbo Wandalsen – Alergia

Heloisa Fuzita Ionemoto – Educação Continuada

João Figueiredo Nobre Cortese – Bioética

Joana Portolese – Transtorno do Espectro Autista

José Luiz Egydio Setúbal – Pediatria

José Reynaldo Figueiredo – Odontopediatria

Jovelino Quintino de Souza Leão – Urologia / Cirurgia Pediátrica

Lilian Hayashida Peris – Fisioterapia

Lino de Macedo – Desenvolvimento Infantil

Lisa Suzuki – Radiologia

Magda Bueno Budzinski – Enfermagem

Marcilia Lima Martyn – Neuropediatria / Desenvolvimento Infantil

Marco Aurelio Palazzi Sáfadi – Infectologia

Marcos Paulo de Lucca Silveira – Bioética

Maria Cristina Andrade – Nefrologia

Mario Cézar Pires – Dermatologia

Mauro Fisberg – Nutrologia

Sandra Regina Loggetto – Hematologia

Sandra Regina Mutarelli Setúbal – Humanização e Child Life

Sidnei Epelman – Oncologia

Silvia Saito Yamada – Ginecologia Infanto Puberal

Soraia Libório Cabó – Fisioterapia

Soraia Tahan – Gastroenterologia

Wilson Lino Junior – Ortopedia

2° Prêmio de Pesquisa em Saúde do Instituto PENSI

A esquerda Maria Cristina de Andrade ganhadora do 1º Premio de Pesquisa em Saúde Infantil do Instituto PENSI, a direita Dra. Fátima Rodrigues Fernandes diretora do Instituto PENSI.

O Instituto Pensi mais uma vez reafirma a sua missão em disseminar o conhecimento científico em saúde infantil valorizando as melhores iniciativas em pesquisa na área. Repetindo o sucesso do último congresso, anunciamos o 2° PRÊMIO INSTITUTO PENSI destinado aos três melhores trabalhos enviados para o evento de acordo com as regras do edital.

 

O 4° CONGRESSO INTERNACIONAL SABARÁ DE SAÚDE INFANTIL abrirá espaço para a apresentação de pôster e tema livre oral dos trabalhos concorrentes ao Prêmio.

 

Poderão candidatar-se trabalhos nas diferentes áreas da saúde infantil, que estejam finalizados e com evidências de resultados.

 

Mais informações no Edital.

Edital

Clique aqui

Submeta seu trabalho

Clique aqui

Local do evento

Hotel Maksoud Plaza

Alameda Campinas, 150, Bela Vista, São Paulo – SP

Patrocínio

Apoio Institucional

Informações

São Paulo

Piratininga virou São Paulo: o colégio é hoje uma metrópole


Os padres jesuítas José de Anchieta e Manoel da Nóbrega subiram a Serra do Mar, nos idos de 1553, a fim de buscar um local seguro para se instalar e catequizar os índios. Ao atingir o planalto de Piratininga, encontraram o ponto ideal. Tinha “ares frios e temperados como os de Espanha” e “uma terra mui sadia, fresca e de boas águas”.

 

Os religiosos construíram um colégio numa pequena colina, próxima aos rios Tamanduateí e Anhangabaú, onde celebraram uma missa. Era o dia 25 de janeiro de 1554, data que marca o aniversário de São Paulo. Quase cinco séculos depois, o povoado de Piratininga se transformou numa cidade de 11 milhões de habitantes. Daqueles tempos, restam apenas as fundações da construção feita pelos padres e índios no Pateo do Collegio.

 

Piratininga demorou 157 anos para se tornar uma cidade chamada São Paulo, decisão ratificada pelo rei de Portugal. Nessa época, São Paulo ainda era o ponto de partida das bandeiras, expedições que cortavam o interior do Brasil. Tinham como objetivos a busca de minerais preciosos e o aprisionamento de índios para trabalhar como escravos nas minas e lavouras.

 

Saiba mais

 

Fonte: http://www.cidadedesaopaulo.com/sp/br/a-cidade-de-sao-paulo

Informações úteis – http://www.cidadedesaopaulo.com/sp/br/infouteis
30 programas imperdíveis em São Paulo – http://www.cidadedesaopaulo.com/sp/br/noticias/234-30-programas-imperdiveis-em-sao-paulo
Cultura e lazer – http://www.cidadedesaopaulo.com/sp/br/culturaelazer

Envie-nos uma mensagem!